Categoria: Dicas Samsung

Diferenças Peças Genuínas , Originais ou Genéricas ?

[responsive]Ilustração_peça-Original-Genuina[/responsive]

A maioria das marcas de Smartphones não produzem todas as peças utilizadas na fabricação de um celular (iPhone e iPad ) por exemplo. Elas compram a maioria das peças de fabricantes pré-selecionados, Estes fabricantes por sua vez também fornecem para rede de varejo independente, só que com suas próprias marcas.

Quando são fornecidas para as marcas revenderem em sua rede de autorizadas, as peças recebem o título de genuínas. Já quando são comercializadas com o próprio nome do fabricante, também fornecedor para marcas , recebem o nome de originais.

No mercado em geral, existem diferentes tipos de peças: as genuínas, as originais e as genéricas.

Mas você sabe ao certo quais as diferenças entre elas?

Vamos explicar de uma forma clara para que você entenda e faça a melhor escolha e custo beneficio.


Genuínas

São peças de reposição que seguem as mesmas especificações e características técnicas exigidas para a peça utilizada na linha de montagem do aparelho. Elas são apresentadas exclusivamente na embalagem da marca, e sua comercialização ocorre somente nas assistências autorizadas da marca ou em alguns casos ,somente na própria fabrica da Marca.


Originais

São aquelas que se apresentam como substitutas das peças genuínas. Embora caracterizadas pela sua adequação ou intercambialidade, podem apresentam as mesmas especificações técnicas ou a mesma qualidade da peça genuína. Por exemplo, podem ser diferentes em relação ao material usado , mas não alteram a qualidade do produto.

Essas peças são direcionadas ao mercado alternativo, e geralmente são fornecidas sem a logomarca da Marca por exemplo (Apple, Samsung , Motorola , Sony e outras ).


Genéricas

Também conhecidas como peças alternativas ou paralelas, são feitas por empresas que desenvolvem os equipamentos para produzi-las. Muitas vezes, na fabricação, a empresa coloca um adesivo na peça, como se fosse um selo, além de embalá-la e vendê-la para o mercado em geral.

As peças genéricas não são homologadas pelas Marcas e têm um custo menor.

Podem ser peças de qualidade , porem sem procedência, ai fica difícil de identificar e quase sempre é com garantia menor ou nenhuma garantia de funcionamento.

Os 5 Melhores Jogos em HD Para Android

O Android oferece um vasto menu de jogos em HD para seu Tablet ou Smartphone, nesta lista você vai conhecer alguns dos melhores títulos para jogar em 2014.

Sabemos que todo mundo quer jogar jogos de alta definição no seu dispositivo Android, mas há algumas restrições a ter em conta. Se você quiser jogar esses jogos, você precisa ter dispositivos de ponta para tirar o máximo proveito dos jogos. Como se trata de jogos em HD, alguns jogos vão lhe pedir para baixar mais dados que podem ser baixados via Wi-Fi ou 3G. Então, certifique-se de que possui uma conexão de internet com velocidade mínima de de 1Mbps + e um pacote de internet ilimitado ou robusto. Se o download for interrompido, você poderá ter que começar do zero.

Existem vários jogos em HD para android e todos os dias novos títulos são lançados, esta lista é baseada nas preferências do Meio Nerd sem nenhuma intenção de criar uma lista definitiva, senão teríamos que atualizar a lista todas as semanas.

1. Grand Theft Auto: San Andreas

Grand-Theft-Auto-San-Andreas-Andoid

Há cinco anos, Carl Johnson escapou das pressões da vida em Los Santos, San Andreas, uma cidade à beira do colapso devido à violência causada por gangs, drogas e corrupção. Onde as estrelas de cinema e os milionários fazem o que podem para evitar os traficantes e os gangsters.

Agora, estamos no início dos anos 90. Carl tem de ir para casa. A sua mãe foi assassinada, a sua família está desfeita e os seus amigos de infância estão à beira do abismo.
Logo após regressar ao seu bairro, dois polícias corruptos incriminam CJ de um homicídio. CJ é forçado a embarcar numa viagem que o vai levar a atravessar todo o estado de San Andreas para salvar a sua família e ganhar o controlo das ruas.

Este é o maior lançamento para dispositivos móveis da Rockstar Games até hoje, com um vasto mundo aberto que cobre o estado de San Andreas e as suas três maiores cidades – Los Santos, San Fierro e Las Venturas – com uma maior fidelidade visual e mais de 70 horas de jogo.

2. Injustice: Gods Among Us

injustice-gods-among-us

Monte um elenco épico com heróis e vilões da DC e prepare-se para a batalha no jogo para aparelhos portáteis INJUSTICE: GODS AMONG US da NetherRealm Studios. INJUSTICE: GODS AMONG US é um jogo gratuito de cartas colecionáveis que permite montar um elenco de personagens, golpes e poderes para entrar na arena para um combate entre trios com comandos de toque.

3. Asphalt 8: Airborne

Asphalt-8
A melhor série de jogos de corridas arcade em Android chega a um ponto de viragem! Faz acrobacias dinâmicas a alta velocidade numa intensa experiência de condução gerada por um novo motor de simulação da física!

4. I, Gladiator

I-Gladiator

I, Gladiator oferece uma experiência quase que real demais de um combate sangrento entre gladiadores. Este não é um simples jogo de “hack & slash”. Para prevalecer, você precisa tanto de perspicácia quanto de força, trabalhar uma estratégia a cada fase, tirar vantagem do ambiente, perceber e explorar as fraquezas do inimigo e, por último, mas não menos importante, conquistar o público mimado.

5. FIFA 14

FIFA-14-Android

Sinta a emoção de cada passe, chute e dividida com os novos controles por toque. Além disso, viva todos os momentos do futebol do mundo real com o EA SPORTS™ Football Club Match Day. Chegue lá com o FIFA 14!

Fonte: Blog Meio Nerd

6 coisas que você encontra no Android e no iOS (ainda) não

Uma das maiores rivalidades atuais da tecnologia é entre os sistemas Android, do Google, e iOS, da Apple. Cada um deles tem seu ponto alto e são capazes de fazer coisas que o outro sistema não é capaz de fazer.

A seguir, separamos algumas funcionalidades que estão disponíveis apenas no Android e que o iOS (ainda) não tem. Na próxima semana, confira funcionalidades que apenas o iOS tem.

Transferência de arquivos por USB

Para transferir arquivos para um smartphone ou tablet rodando Android, não é preciso muito trabalho. O sistema (Windows, Mac ou Linux) é capaz de reconhecer o dispositivo de armazenamento e exibir as pastas e arquivos que estão nele. Para adicionar um arquivo, basta arrastar até lá, como se faz em um pendrive.

No iOS, por outro lado, o processo é mais complicado (exceto para a transferência de fotos, que é igual ao Android). Os usuários do sistema da Apple ficam reféns do iTunes para esse tipo de ação.

Multitarefa

Outra capacidade que alguns gadgets com o sistema têm é de dividir a sua tela em diversas tarefas. A empresa chama o recurso de Multi Window. Ele é uma mão na roda, principalmente em tablets, que o espaço de trabalho é maior. Não é preciso ficar mudando de app para responder a uma mensagem enquanto se navega na internet, por exemplo.

Expansão da memória interna

Mais um ponto que não vale para todos os smartphones rodando Android, mas para grande parte, sim. Além da capacidade de armazenamento interna, o usuário ainda pode expandir esse volume usando um cartão microSD. Normalmente, os smartphones aceitam expansão de até 32 GB. O que pode ser mais do que a capacidade do próprio gadget.

Nos cartões é possível guardar músicas, fotos ou vídeos. Qualquer espaço é muito bem vindo.

De cara nova

A possibilidade de customização do Android é tão grande que permite que o usuário use o seu smartphone com outro app como inicializador. Eles mudam completamente a aparência do sistema e deixam o Android rodando quase que de forma escondida. Isso é completamente inimaginável para o iOS.

Alguns dos apps mais famosos nessa área são o Aviate (que foi comprado pelo Yahoo), o Cover Lock Screen (na foto) e o Facebook Home. Cada um deles tem diferentes características. Os mais avançados são capazes de entender quais apps são mais importantes dependendo do horário do dia e mostrá-los na página inicial.

Automação

Graças as alguns apps, o usuário pode economizar tempo com o agendamento de tarefas no smartphone ou tablet. Um dos mais famosos é o Tasker. Com o app é possível automatizar tarefas como ligar e desligar a rede móvel ou Wi-Fi em certo horário. Mas ele também dá conta de tarefas mais complicadas, como enviar um SMS para determinado contato em um horário pré-programado.

Escolher app padrão

No Android é possível escolher um app padrão para abrir determinado tipo de arquivo. Ao tentar abrir um link de PDF, por exemplo, pode-se escolher entre o Chrome ou qualquer outro app capaz disso, como o Adobe Reader. O usuário pode escolher que o arquivo seja aberto somente uma vez naquele aplicativo ou que o sistema guarde aquela informação e use somente um programa para abrir aquele mesmo tipo de arquivo sempre.

Fonte: Exame.com

Saiba como apagar seus dados na hora de vender o aparelho

Chegou a hora de trocar o aparelho e repassar o seu para frente? Uma das preocupações que precisam ser pensadas é a formatação dos seus dados e arquivos pessoais. Muitas vezes, simplesmente deletar suas informações não é o bastante. Mesmo após apagadas elas podem ser recuperadas por alguns aplicativos. Por isso, fique atento!

Para auxiliar, mostraremos aqui como realizar esse procedimento de forma segura nos três sistemas operacionais.

Apple
Para apagar os dados, usuários de dispositivos móveis da Apple (iPad, iPhone ou iPod touch) devem ir ao menu Ajustes > Geral > Redefinir. Selecione a opção “Apagar todo o conteúdo e ajustes”.

Quem também usa a função de localização Find my iPhone deve desvincular o aparelho da conta do iCloud. Para fazer isso, acesse o endereço icloud.com/find. Selecione o dispositivo e clique em “Apagar”. Depois que o dispositivo for apagado, clique em “Remover da conta”.

Android
Para aparelhos com versão acima da Android 3.0, o Google recomenda que o usuário, primeiramente, criptografe as informações (para dificultar o acesso). Vá ao menu Configurar > Segurança > Criptografar o telefone. Esse processo pode levar mais de uma hora e é irreversível. Segundo o Google, os nomes das opções podem variar de acordo com o modelo e a versão do sistema.

Com os dados protegidos, o próximo passo é ir ao menu Configurar > Fazer backup e redefinir > Restaurar dados de fábrica.

Além da opção nativa do Android, detalhada acima e que pode não estar disponível em todos os dispositivos, é possível apagar dados desses aparelhos usando aplicativos. Há várias opções como o Full Wipe (que apaga e criptografa as informações do telefone e do cartão de memória), o Avast Anti-Theft (que apaga dados e localiza o telefone) e o Lookout (uma solução antivírus com a opção de apagar completamente as informações do usuário).

Windows Phone
Usuários de aparelhos Windows Phone devem apagar o conteúdo do dispositivo indo ao menu Configurações > Sobre > Restaurar configurações de fábrica. De acordo com a Microsoft, esse procedimento é irreversível.

É recomendável também desvincular o aparelho da conta do antigo usuário. Para isso, o dono do smartphone deve acessar www.windowsphone.com e fazer login com a mesma senha e conta utilizada no telefone. Vá ao menu Configurações da Conta (Account settings) e clique em Remover este telefone (Remove this phone).

Fonte: UOL Tecnologia